Publications des agents du Cirad

Cirad

Estoques de carbono na fração lábil e associada aos minerais afetados pela conversão da vegetação natural em área agrícola em diferentes ecossistemas

Borszowskei P.R., De Moraes Sa J.C., Tivet F., Eurich G., Briedis C., Bürkner dos Santos J., Farias A., Nadolny Junior M., De Fátima Navarro J., Massao Inagaki T., Da Cruz Hartman D., Aparecido Rosa J.. 2011. In : Marcelo Ricardo de Lima ; Fabiane Machado Vezzani ; Vander de Freitas Melo (eds.). Resumos II Reunião Paranaense de Ciência do Solo, Curitiba, Brésil, 4 a 6 de maio de 2011. Curitiba : Universidade Federal do Paraná, p. 9-9. Reunião Paranaense de Ciência do Solo. 2, 2011-05-04/2011-05-06, Curitilba (Brésil).

A perda de C com a conversão da vegetação natural em área de produção agrícola é influenciada pela zona climática, pela classe de solo e sua textura e a intensidade do preparo utilizada. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito da conversão do solo sob vegetação natural em área de produção agrícola no estoque de C total, o C orgânico particulado (COP), o C associado aos minerais (COAM) em ecossistemas contrastantes (Tropical e Subtropical). Este trabalho foi realizado em um Latossolo Vermelho (675 g kg-1 de argila) em Ponta Grossa, PR (PG) com 29 anos sob preparo convencional, em um Latossolo Vermelho Amarelo (490 g kg-1 de argila) em Lucas do Rio Verde - MT (LRV) com 8 anos sob preparo e em um Neossolo Quartzarênico (770 g kg-1 de areia) em Luiz Eduardo de Magalhães - BH (LEM) com 4 anos sob preparo. Em PG, o estoque no COAM (234,0 Mg ha-1) foi 2,1 e 5,8 vezes mais elevado do que em LRV (COAM = 108,1 Mg ha-1) e LEM (39,8 Mg ha-1), enquanto o estoque de C no COP foi semelhante entre os ecossistemas (24,0 Mg ha-1 em PG; 25,2 Mg COP ha-1 em LRV e 27,4 Mg ha-1 em LEM) embora as diferenças no material de origem sejam contratantes. A média do estoque de COP em PG foi de 9,3% do estoque total de C, enquanto essa fração foi responsável por 19% em LRV e 35% do estoque total de C em LEM até 1 m de profundidade. Comparativamente, mais COP poderia ser mineralizado no Latosolo Vermelho Amarelo (LRV) e no Neossolo Quartzarênico indicando que o impacto da conversão na fração de C lábil gera perdas espressivas na fertilidade química, fisica, biologica do solo. Em cada ecossistema o preparo resultou em uma taxa de perda anual na camada 0-40 cm de 0,88; 1,55 e 0,40 Mg C ha-1 ano-1, para PG, LRV e LEM, respectivamente. Essas perdas ocorrem em maior expressão no COP do que no COAM. Em ambiente subtropical o COP e o COAM diminuiram na camada 0-40 cm de 17,6 e 128,1 Mg C ha-1 na vegetação nativa para 7,8 e 112,5 Mg C ha-1, representando 55% e 12% de decréscimo devido ao preparo do solo. No ambiente tropical, o estoque de COP de LRV e LEM reduziu de 18,8 e 11,4 Mg C ha-1 para 9,9 e 8,7 Mg C ha-1 com o preparo enquanto o estoque de COAM decresceu em LRV de 59,9 para 46,6 Mg C ha-1 e em contraste, em LEM o COAM não foi afetado com o PC. (Texte intégral)

Documents associés

Communication de congrès

Agents Cirad, auteurs de cette publication :