Publications des agents du Cirad

Cirad

Discriminação de especies de madeiras da floresta Amazônica de Paragominas, estado do Pará, Brasil, pela aplicação da espectroscopia no infravermelho próximo (NIRS)

Americo da Silva C., Da Silva Santos A., Tomazello Filho M., Vidal E., Chaix G.. 2019. Pesquisa Florestal Brasileira, 39 : p. 356-356. IUFRO World Congress 2019 "Forest Research and Cooperation for Sustainable Development". 25, 2019-09-29/2019-10-05, Curitiba (Brésil).

0 trabalho teve coma objetivo discriminar 2 especies florestais tropicais, ocorrentes na Unidade de Manejo Florestal, do municipio de Paragominas, estado do Pará, Brasil, monitorada ha 25 anos pelo IMAZON. Foram selecionadas 41 e 46 arvores de Copaifera duckei Dwyer (copaiba) e de Cordia goeldiana Huber (freijó), respectivamente, e extraidas amostras do lenho do DAP, pelo metodo nao destrutivo. As amostras do lenho foram fixadas em suportes de madeira, sua seção transversal foi polida, acondicionadas (12% umidade, UR 65%, 20°C) e analisadas (1 cm de distancia, direção radial) no espectrômetro NIR MPA Bruker (módulo das sondas de fibra óptica 12800-4000 cm·1, resolução espectral 8 cm·1, dados médios de 32 leituras). Foram obtídos 2.161 espectros, tratados no software The Unscrambler® e simuladas as análises discriminantes com mínimos quadrados parciais (PLS-DA), compostas par 2 classes, (i) Copaifera duckei: valor esperado = 0, e (ii) Cordia goeldiana: valor esperado = 1, visando distinguir as 2 especies pela análise quimiométrica das suas madeiras. Os resultados mostraram uma clara separação, com base nos valores esperados, permitindo a discriminação das especies. A % do erro de classificação foi para a madeira de (i) copaiba [classe = 0, 0,6% [(validação cruzada), 0,8% (validação independente)] e (ii) freijó [classe =1, 0,7% (val. cruzada), 0,2% (val. independente)]. Concluise que a metodologia NIRS permite a discriminação de C. duckei e C. goeldiana, com base nas simulações PLS-DA, utilizando-se amostras nao destrutivas de madeira e, se constitui em eficiente ferramenta para a identificação de madeiras e controle da extração ilegal.

Mots-clés : spectroscopie infrarouge; pratique illégale; protection de la forêt; classe d'arbres; propriété physicochimique; bois; copaifera; cordia goeldiana; forêt tropicale humide; brésil; méthode non destructive; copaifera duckei

Thématique : Foresterie - Considérations générales; Technologie des produits forestiers; Conservation de la nature et ressources foncières; Méthodes de recherche

Documents associés

Article de revue

Agents Cirad, auteurs de cette publication :